segunda-feira, 23 de junho de 2008

AQUILO QUE SOMOS E AQUILO QUE FAZEMOS


Um diálogo entre Consciência e Coração

- Filho, você tem que seguir seu destino!
- Mas que destino é esse meu Senhor?
- Seu destino é lutar por um bem maior, beneficiar milhares de pessoas e fazer a Luz Divina brilhar intensamente por muito tempo na vida daqueles que for beneficiado pelo seu destino.
- Mas meu Senhor, isso não cabe aos iluminados?
- E o que é o Iluminado sem antes não buscar incessantemente á Luz e a ela servir? De que vale viver e não existir, não ter sido instrumento para a melhoria do meio?
- Não entendo!
- Certo, talvez seja mesmo difícil entender aquilo que se mostra tão claro aos olhos. Isso ocorre quando o medo toma conta da mente e assusta o coração. Entenda simplesmente que deverá cumprir com seu destino.
- Mas cumprir como com algo que desconheço?
- Conheça a si mesmo e entenderá o que digo.
- Mas assim continua confuso.
- Destino é aquilo que se espera, é certo que não existe um livro já escrito e somos apenas coadjuvantes de uma historinha, a próxima página é um mistério, apenas sabe-se que será continuação da página anterior. Então, o que está sendo escrito?
- Mas o que dizer quando é escrito linhas de luta, determinação e acima de tudo a busca de um bem maior para muitos e neste sentido percebemos apenas na página seguinte uma conseqüência desastrosa?
- Mas é o fim?
- Não sei!
- Se não sabe então saiba que não é o fim da linha, pois caso contrário seria óbvio o fim.
- E as conseqüências?
- Mas e o aprendizado?
- Sim, sim...aprendizado, mas... e se não resta mais oportunidade!?!
- Será? Vasculhe melhor.
- Não é possível que isso seja tudo.
- Não, não é. Tudo é a não desistência, é o cumprimento do dever sem temor.
- Mas eu temo. Não sou sozinho, existem vidas e estruturas envolvidas.
- Ótimo, isso impulsiona melhor.
- Impulso?
- Sim impulso.
- Pra onde?
- Para o destino.
- Ainda isso...destino...
- Isso é o mais certo, seja o que lhe foi determinado. Seja aquilo que precisamos. Precisamos de um braço forte, de um instrumento, de uma fonte realizadora que promova inovações e benefícios.
- Mas quando isso ocorre e o ônus recai apenas sobre este braço?
- Sinal que é mais forte do que se mostra. Acredite.
- Como acreditar quando a mente já não se tranqüiliza?
- Mente fervente é mente saudável. Mantenha-a sã.
- Certo, e qual o objetivo?
- Já foi dito. Realize e acredite. Nunca se falou em facilidades, jamais será fácil cumprir com metas, objetivos e realizar ideais. Haverá sempre obstáculos, muralhas e montanhas a ser superadas. Acreditar e trabalhar com afinco fará com que os resultados apareçam. Frente ao maior obstáculo imaginado, olhe para trás e observe que na construção de uma história, de uma trajetória vê-se sempre o resultado de superação. Contam-se histórias apenas aqueles que sobreviveram ás batalhas. Quem não supera, não tem o que escrever e quem não têm o que escrever não tampouco terá o que contar e muito menos com o que aprender. Não existe sucesso sem construção, sem dedicação, sem sangue. Orgulhe-se apenas daquilo que superou, do aprendizado perante o erro e não se ofusque com a luz dos resultados que não deve brilhar em ti mas tão somente iluminar aos outros, ao meio, aos beneficiários e você...bem...você não é iluminado pela própria luz, aceite que deverá reconhecer a luz de outra fonte, assim jamais esquecerá que ninguém é auto-suficiente e sempre precisaremos saber que é preciso baixar a cabeça e reconhecer que hora somos doadores e noutra somos beneficiados, esta é a Lei, este o ciclo, este é o Giro da existência. Então exista e seja lembrado e por quando for lembrado, lembrado pelos seus e por aqueles dos seus e por quando ainda falarem de ti e da sua luta, a glória então perdurará.
Agora vá, assuma seu posto neste campo de batalha da vida e lute como se fosse a última batalha!

Escrito dia 23/06 – 00h00

Obs: Muitas vezes nos encontramos em verdadeiras encruzilhadas da vida, neste caso o que precisamos é definir o caminho. Nos conflitos existênciais sempre somos acometidos por pensamentos destrutivos e buscar o brilho interno, uma força ainda desconhecida é talvez uma tarefa dolorosa, porém necessária. Quem está na sua "pele" é só você. Por isso te cabe definir qual lado da encruzilhada tu caminhará sem esquecer que um lado é luz e outro é trevas. Não adianta fazer uni-duni-tê ou tirar no palitinho, porque a resposta está dentro de você. Acredite, está mesmo...não tema, confie, boa sorte!

Texto auto-afirmativo.

Por Rodrigo Queiroz

3 comentários:

Thaís Helena disse...

Ro !!!
"Existem homens que lutam um dia e são bons; existem outros que lutam um ano e são melhores; existem aqueles que lutam muitos anos e são muito bons. Porém, existem os que lutam toda a vida. Estes são os imprescindíveis." (Bertolt Brechet)
Eu o vejo assim, e tenho certeza que o verdadeiro heroismo está em persistir por mais um momento, quando tudo parece perdido !!!
O medo te mantém prisioneiro, a esperança te liberta !!!
Eu acredito !!!
Um grande beijo em ti...

Ricardo e Soraia Almeida disse...

Rodrigo Queiroz!!!!!!!!!!!!
Muito boa sua inspiração, muito bom o diálogo.
É meu irmão, não é fácil sentir na mente e no coração que a nossa alma é de um guerreiro. Que pensamos o tempo todo em querer levantar a bandeira da Umbanda, que agora tem realmente uma bandeira,rs!
Irmão nunca desista, porque exixtem muitos que brilham por suas iniciativas, e enquanto houver uma única mão para lhe dar o impulso necessário, ainda assim você terá forças para continuar sua caminhada, que pode ser dura, cheia de desvios, mas vitoriosa se feita com o coração!
E a sabedoria, sempre caminha melhor quando aliada ao coraçao, a um amor! Sei o que é isso, sou filho de Ogum, mais carrego ao meu lado uma filha de Oxum,rs.
Conte sempre com nós irmão, ouvimos sempre o programa e estamos antenados em todos os trabalhos que você desenvolve.
Muita saúde, paz e amor
Ricardo e Soraia Almeida

Anônimo disse...

Boa tarde Rodrigo, fiquei feliz em ver que meu recado foi atendido,hahaha. Texto maravilhoso, sem querer serviu muito para mim, serviu para o momento que estou passando em minha vida. Agradeço aos Orixás por te-lo como luz em nossos caminhos, nos ensinando muito, muito, muito.
Saravá a você meu querido irmão, Luz!